Home » Uncategorized » A realidade expandida e os smartphones

A realidade expandida e os smartphones

A realidade expandida conseguida através de smartphones continua a impressionar. Há pouco tempo eram os drones controlados por aplicativos de smartphone que reproduziam no drone exatamente os movimentos feito com o aparelho mobile. Recentemente, um aplicativo da empresa Sphero, simula um simpático R2D2 da série STAR WARS com um diferencial muito interessante. Ele não apenas simula o robô presente nos filmes, mas também auxilia crianças no aprendizado de linguagem de programação e desenvolvimento.

A empresa conta com a mesma versão de robô no formato do BB-8, que é um dos outros robôs que aparecem na série. Além da capacidade de programação, os dois robôs podem ser configurados para estarem em modo patrulha, o que deixa a inteligência artificial controlá-los. Nesse modo eles interagem independentemente com o mundo em seu redor, com outros seres humanos e também com outros robôs. Já no aplicativo, o Sphero Edu app, as funcionalidades contemplam o uso de Scratch block, escrever seu próprio programa em JavaScript, ou definir um roteiro para o robô. Na interação como o droid, ações, controles, operações e animações podem ser utilizadas para dar ordens ao mesmo.

Uma outra interação entre robôs e humanos

Um outro exemplo desse formato de interação entre robôs e o mundo vem da Google. A empresa tem um novo objetivo para a relação entre robôs e seres humanos que passa por desenvolver robôs que possam navegar e interagir com o mundo da mesma forma que os humanos. Isso está sendo feito através de 14 robôs que vão aprendendo como andar ou interagir com o seu espaço próximo através da tentativa e da troca de experiência com outros robôs.

O único comando que foi fornecido aos robôs é a movimentação correta para agarrar objetos. Inicialmente, não houve muito êxito por parte dos robôs mas com um pouco menos de mil tentativas, a programação do robôs passou a estabelecer rotinas de maior sucesso.